Notícias

“A OAB é a sentinela constitucional do país”, diz Gedeon Pitaluga em sessão solene na AL em comemoração aos 30 anos da Ordem

05/04/2019 17h22 - Atualizado em 08/04/2019 16h49

Via ASCOM OAB/TO

A advocacia tocantinense foi homenageada na manhã desta sexta-feira, 05, em sessão solene na Assembleia Legislativa em comemoração aos 30 anos da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Tocantins.

Num ambiente de muita emoção, foram lembrados e homenageados todos os ex-presidentes da OAB/TO Coriolano Santos Marinho, Augusto de Sousa Pinheiro (in memoriam), Luciano Ayres da Silva, Ercílio Bezerra de Castro Filho, Epitácio Brandão Lopes e Walter Ohofugi Júnior pela contribuição que cada um deu à instituição e à advocacia.

O atual presidente da OAB/TO, Gedeon Pitaluga, destacou o trabalho dos ex-dirigentes na consolidação da OAB/TO enquanto instituição fundamental para a manutenção da democracia no Estado. “OAB tem sido a sentinela constitucional do país, fazendo garantir ao povo brasileiro a manutenção do Estado Democrático de Direito”, explicou.

Pitaluga também destacou a importância da Ordem para o Tocantins. “São 30 anos de muitas histórias. De muitas lutas e conquistas. Histórias da advocacia tocantinense que se confundem com a do Estado, sempre lutando pela garantia dos direitos fundamentais do cidadão”, disse Pitaluga.

Presente na sessão, representando o governador Mauro Carlesse, o vice-governador Wanderlei Barbosa elogiou a atuação da OAB Tocantins, além de reverenciar a instituição pela defesa da sociedade. “Parabenizo a OAB pela defesa, pela coerência e pela contribuição que dá à cidadania”, disse Barbosa.
O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Helvécio de Brito Maia Neto, em discurso durante a solenidade, também destacou o papel fundamental da Ordem o povo tocantinense. O presidente do TJ, assim como Edson Paulo Lins e Recato Jácomo receberam títulos de Cidadãos Tocantinenses durante a cerimônia.
Outro que também destacou o trabalho da OAB/TO foi o presidente da Assembleia, Antônio Andrade. Para ele, a advocacia é primordial para a manutenção do Estado Democrático de Direito.

Como autor do requerimento que solicitou a realização da sessão solene, o deputado estadual e advogado Ricardo Ayres lembrou-se da atuação de ex-dirigentes da Ordem na construção de uma instituição forte e ativa. Além disso, fez uma referência especial ao seu tio, o ex-presidente Luciano Ayres, quem disse ter sido o responsável por tê-lo influenciado a seguir a carreira de advogado.

Também foram homenageados durante a cerimônia os advogados Sônia Maria França, Jesus Cândido Assunção, Hebert Brito Barros, Juarez Moreira Filho e, postumamente, Sílvio Domingues Filho e Mário Martins Santana. Além deles foram condecorados os advogados Raimundo Rosal Filho, Renato Jácomo, Bolivar Camelo Rocha e, in memoriam, Ernestro Cardoso Leite Neto. Homenageados também foram os advogados representantes das subseções da OAB em todas as regiões do Estado: Luiz Carlos Lacerda Cabral (Paraíso), João Francisco Ferreira (Porto Nacional), Sebastião Alves Mendonça Filho (Tocantinópolis), José Adelmo dos Santos (Araguaína), José Ferreira Teles (Guaraí), José Marcelino Sobrinho (Colinas), Palmeron de Sena e Silva (Taguatinga), Renato Santana Gomes (Araguatins), Teresa de Maria Bonfim Nunes (Pedro Afonso) Jales José Costa Valente (Dianópolis), Trajano Coelho Neto (Miracema), Miguel Chaves Ramos (Alvorada) e, in memoriam, Manoel Bonfim Furtado Correia.

A solenidade terminou com o anúncio de uma homenagem à servidora pioneira da OAB/TO, Soraia Glória de Aquino Pinheiro, pelos anos de dedicação à instituição.