Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > NOTÍCIAS > Presidente nacional da OAB e dirigentes da Ordem se reúnem com presidente do TJ/TO e tratam de honorários advocatícios
Início do conteúdo da página
NOTÍCIAS

Presidente nacional da OAB e dirigentes da Ordem se reúnem com presidente do TJ/TO e tratam de honorários advocatícios

  • Escrito por Dani Braga
  • Criado: Quinta, 31 Março 2022 14:43
  • Publicado: Quinta, 31 Março 2022 14:43
  • Última Atualização: Quinta, 31 Março 2022 14:43
imagem sem descrição.

Presidente nacional da OAB e dirigentes da Ordem se reúnem com presidente do TJ/TO e tratam de honorários advocatícios

Uma comitiva de dirigentes nacionais e estaduais da Ordem dos Advogados do Brasil liderada pelo presidente nacional da OAB, Beto Simonetti, e o presidente da OAB/TO, Gedeon Pitaluga, se reuniu na tarde desta quarta-feira, 30, com o presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador João Rigo Guimarães, para dialogar sobre a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que fixou o pagamento de honorários sucumbência em obediência aos índices estabelecidos pelo novo Código de Processo Civil (CPC).
Para o presidente Beto Simonetti, essa foi uma das grandes vitórias da advocacia. “Os honorários advocatícios são fundamentais para a dignidade da profissão e essa tem sido uma bandeira constante da OAB”, afirmou. Simonetti agradeceu a atenção dada pelo presidente do TJ/TO e a sensibilidade que demonstrou a esta questão, reforçando a parceria de todo o sistema OAB com o Judiciário tocantinense. “Queremos consolidar cada dia mais essa relação pelo bem da Justiça brasileira”, disse.
O presidente da OAB no Tocantins, Gedeon Pitaluga, reforçou o compromisso institucional de manter sempre o diálogo aberto e franco com o Judiciário nas questões que envolvam a melhoria do Sistema Judicial. “O diálogo traz a esperança para a advocacia brasileira para que juntos colecionemos avanços para toda a Justiça”, acrescentou Pitaluga.
O desembargador João Rigo Guimarães, presidente do TJ/TO, relembrou de sua trajetória como advogado, antes de entrar para a magistratura, e demonstrou sensibilidade com as demandas da classe. “Estamos sempre de portas abertas para o diálogo com a OAB. Sei bem das circunstâncias do exercício da advocacia, pois atuei durante anos na profissão, antes de me tornar magistrado. Por isso, sou sensível às reivindicações da categoria”, garantiu.
A corregedora-geral de Justiça do Tocantins, a desembargadora Etelvina Maria Sampaio Felipe, falou da boa relação institucional construída com a OAB/TO e renovou o compromisso de estar atenta às solicitações da classe. “Buscamos ao máximo atender às reivindicações feitas pela advocacia, porque temos a OAB como parceiros e integrantes do Sistema de Justiça”, explicou a corregedora-geral.
Na reunião também estiveram presentes o vice-presidente nacional da OAB, Rafael Horn, o presidente do FIDA, Felipe Sarmento, o procurador nacional de Defesa das Prerrogativas da OAB, Alex Sarkis, o presidente da OAB de Sergipe, Danniel Alves Costa, o presidente da OAB de Rondônia, Márcio Melo Nogueira, o presidente da OAB de Roraima, Ednaldo Gomes Vidal, a vice-presidente da OAB/TO, Priscila Madruga, os conselheiros federais da OAB/TO, José Quezado, Ana Laura Pinto Cordeiro de Miranda Coutinho, Adwardys Barros Vinhal, a secretária-geral da OAB/TO, Jandra Pereira de Paula, o tesoureiro da OAB/TO, Thomas Jefferson Gonçalves, o juiz auxiliar da presidência do Tribunal de Justiça, Océlio Nobre da Silva, além de conselheiros estaduais da Ordem.

registrado em:
Fim do conteúdo da página