Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > NOTÍCIAS > Comissão da Saúde da OAB/TO faz vistoria ao Hospital Geral de Palmas
Início do conteúdo da página
NOTÍCIAS

Comissão da Saúde da OAB/TO faz vistoria ao Hospital Geral de Palmas

  • Escrito por Emerson Carlos Viscone de Alencar
  • Criado: Sexta, 14 Outubro 2022 17:33
  • Publicado: Sexta, 14 Outubro 2022 17:33
  • Última Atualização: Sexta, 14 Outubro 2022 17:33

A presidente da Comissão da Saúde da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Tocantins, Maria Roseli de Almeida Pery, visitou o Hospital Geral de Palmas, nesta quinta-feira, 13, em conjunto com representantes do Ministério Público Federal, do Ministério Público do Estado e da Defensoria Pública do Tocantins, para vistoriar o atendimento oferecido à população e as condições da instituição.

Os representantes dos órgãos de controle identificaram leitos sem uso na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para adultos, além da falta de profissionais. Já no setor de oncologia, foram detectados problemas como a falta de insumos e descarte inapropriado de material resíduo perfurocortante, como seringas, que hoje é feito em caixas de papelão.

“A participação da Comissão de Saúde da OAB/TO na Vistoria realizada no HGP pelo MPE, DPE e MPF foi extremamente positiva, na medida em que soma-se às estratégias de fortalecimento dos órgãos de gestão e de controle do serviço hospitalar vistoriado. As inconformidades detectadas serão tratadas no âmbito das atribuições de cada órgão/instituição, inclusive, servirão para instruir procedimentos instaurados e Ações Civis Públicas (ACP) ajuizadas. Como também, serão tratadas em reunião com o gestor da Secretaria da Saúde do Estado para a solução dos problemas encontrados o mais rápido possível”, avaliou a presidente da Comissão da Saúde da OAB/TO, Maria Roseli de Almeida Pery.

A Ordem, por meio da Comissão da Saúde agora presidida pela advogada Maria Roseli de Almeida Pery, pretende aprimorar os trabalhos desenvolvidos em defesa do direito à saúde de todos, com observância aos princípios constitucionais da igualdade e da integralidade.

Após a vistoria, o diretor-geral do HPG, Leonardo Toledo, e o diretor Administrativo e Financeiro, João Carlos Medeiros, receberam os órgãos de controle para uma reunião sobre os problemas detectados. Segundo os gestores, há uma iniciativa para buscar solucionar os problemas.

Como representante do MPF esteve o procurador Antônio de Alencar Júnior, pelo MPTO, a promotora Araína Cesárea D’Alessandro e pela DPE os defensores Arthur Luiz Pádua Marques e Freddy Alejandro Solórzano Antunes.

registrado em:
Fim do conteúdo da página