Após 30 anos, OAB/TO cria e empossa Comissão da Igualdade Racial

Via ASCOM OAB/TO

Por Dani Braga

Publicada em: 22/11/2019 - 20h 03min

Dani Braga
Dani Braga

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Tocantins vivenciou mais um momento histórico dos seus 30 anos de existência. Na última quinta-feira, 21, tomou posse a primeira composição da Comissão de Igualdade Racial da Ordem no Tocantins. A cerimônia ocorreu durante Simpósio em comemoração aos 71 anos da declaração de direitos humanos.

A nova comissão foi empossada pela secretária-geral da OAB, Ana Laura Coutinho, e contou com a participação do vice-presidente da Comissão Nacional de Direito Humanos da OAB, Everaldo Patriota, e da presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB/TO, Lúcia Viana.


"Esse é um legado que a nossa gestão vai deixar marcado na história da OAB. Além do compromissso inegociável das prerrogativas da advocacia, a OAB cumpre seu papel na defesa da sociedade e de combate às desigualdades", ressaltou o presidente da OAB/TO, Gedeon Pitaluga. 


O primeiro presidente da Comissão de Igualdade Racial da OAB/TO, Domingos Silva, que também lidera a comissão da pessoa com deficiência falou sobre a responsabilidade de compor essa luta necessária. 

“É uma honra poder presidir a primeira composição da comissão de combate ao racismo da OAB. Vivemos num Estado onde 80% da população é negra. Sem dúvida a Ordem, como representante constitucional da advocacia e da sociedade, precisa debater o tema e intervir com ações positivas visando combater a discriminação racial no Estado”, disse Silva.


Jovem Advocacia e mulheres negras empoderadas

A Comissão de Igualdade Racial da OABTO também carrega em sua composição uma importante abertura para a transversalidade de debates. Isso porque é composta em sua maioria por representantes da jovem advocacia, mulheres e pessoas com deficiência. 

“A criação desta comissão fortalece a trajetória de 30 anos da Seccional Tocantins, legitimando ainda mais seu compromisso com a sociedade na luta pela igualdade racial e a relevância e a força dos advogados e advogados negros, a cada dia com mais presença e destaque na profissão”, defendeu o secretário-geral da Comissão de Igualdade Racial da OAB/TO, Cristian Ribas.

Para a membra da comissão, a advogada Priscila Aragão, a criação deste espaço importante de empoderamento da advocacia negra e combate a discriminação racial é um avanço importante para a OAB. 

“Essa comissão servirá de inspiração para advogados, advogadas e estudantes de Direito que agora, finalmente, se vêem representados dentro da organização da Ordem. Esse espaço é importante que a advocacia possa conhecer, conviver e respeitar nossas bandeiras, de modo que se crie um ambiente de empatia e valorização dos advogados negros”, afirmou Aragão.


Composição

Presidente: Domingos Rodrigues Silva

Vice-presidente: Edilma Barros da Silva

Secretário-Geral: Cristian Ribas

Membro: Priscila Ernesto Aragão 

Membro: Fábio Alves do Santos Júnior